Informe Gospel TV






Parceiros

Reflexão

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.
O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.
Ele faz cessar as guerras até ao fim da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo.
Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra.
O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.

Salmos 46

Blog

Pesquisadores apontam que 7 x 1 na Copa do Mundo influenciou o impeachment de Dilma

A maior derrota da história da Seleção Brasileira pode ter tido um impacto além do futebol, chegando ao campo político em uma das disputas mais importantes pelo poder no Brasil.

Os economistas Carlos Carvalho, do Banco Central, e Eduardo Zilberman, defendem que a derrota por 7 x 1 contra a Alemanha na Copa do Mundo de 2014 influenciou no impeachment da presidente Dilma Rousseff, no ano passado.

De acordo com a Folha de S. Paulo, eles argumentam que os resultados negativos da economia foram potencializados pelo vexame em campo. "A nossa hipótese é que já existia uma insatisfação latente com o governo que o 7x1 fez aflorar, e o mercado financeiro percebeu isso", afirma Zilberman.Os economistas sustentam que o resultado da eleição presidencial em 2014 já foi mais apertado que o esperado por conta do 7 x 1.

Eles apostam que o hexa em 2014 daria a Dilma uma vitória mais confortável contra Aécio Neves, além de tranquilidade para o seu mandato. Pesquisadores nos Estados Unidos também já observaram que resultados esportivos podem influenciar as urnas. Mas o fato da vitória alemã ter sido por uma margem tão grande pode ter provocado um efeito forte demais para o governo de Dilma. "Acho que a dramaticidade do fracasso, de alguma maneira, tirou o brasileiro da zona de conforto, o que pode ter desencadeado esses processos", disse Zilberman à Folha de S. Paulo.

Fonte: BN


Categorias

POLÍTICA