Informe Gospel TV






Parceiros

Reflexão

Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.
O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.
Ele faz cessar as guerras até ao fim da terra; quebra o arco e corta a lança; queima os carros no fogo.
Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra.
O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.

Salmos 46

Blog

Vídeo: Pastor ‘alertou’ jovem sobre sua possível morte dias antes do ocorrido na Bahia

Uma novidade sobre a morte da adolescente Gisele Kailla de Jesus Adab, 17 anos, na noite de domingo (15/10), em Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), intriga a população local. Vítima de disparos de arma de fogo, efetuados por homens a bordo de uma moto, a jovem foi alertada sobre o ocorrido no último dia 21 de agosto, durante uma ‘revelação divina’ feita pelo Pastor André Barreto, da Igreja Assembleia de Deus Visão da Glória, no referido município.

O ‘aviso’ foi compartilhado pelo pastor Thiago Silva, na madrugada desta segunda-feira (16/10), por meio da rede social Facebook, após ser informado sobre a morte da adolescente. O religioso publicou um vídeo em Gisele recebe a revelação. “No dia 21 de agosto, na nossa segunda-feira do livramento, Deus falou com a jovem Gisele do grande livramento que estava dando a ela. Mas também disse que não brincasse, que Deus a queria na presença dele e que não haveria outra chance”, afirmou o pastor na descrição do vídeo.

Nas imagens, o pastor André Barreto dá detalhes do crime e diz que alguém estava com raiva de algo que teria acontecido no início do ano. “Estou vendo uma moto de modelo de XRL, moto alta. Estão com uma 380 na cintura e pilotando com uma ponto 40. Estou vendo eles dizendo ‘vamos chegar lá fazendo tudo, vai ser daquele jeito’. Estão com raiva de alguém próximo à ela […]”, falou.

Crime:

Após ser alvejada, Gisele foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Paripe, mas não resistiu aos ferimentos. Ela foi sepultada na tarde desta segunda-feira.

Até o fechamento da matéria, nenhum suspeito de ter cometido o crime havia sido localizado. A autoria e motivação do crime serão investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em parceira com a 22ª Delegacia Territorial (DT), de Simões Filho.

Fonte: Aratu online


Categorias

Violência